Como não perder suas ideias

by - maio 06, 2015


Não sei vocês, mas eu sou uma pessoa super esquecida. O engraçado é que eu consigo lembrar de todos os meus compromissos - o que me causa bastante frustração, já que, apesar de adorar agendas, sinto como se elas não servissem pra mim, pois não preciso anotar nada que tenha data marcada. É, pois é, eu consigo me lembrar de consultas médicas, entregas de trabalhos, compromissos, enfim, tudo o que tem uma data exata para acontecer. 

Vamos deixar pra lá os aniversários, porque são muitos aniversários e muitas pessoas. Não dá, né?

Só que o mesmo não acontece com as minhas ideias e projetos. Nem conto mais as vezes que perdi uma "grande ideia". Penso nela agora e dentro de 5 minutos vira fumaça. É triste. Mas depois de tanto apanhar, descolei um método básico para não perder mais nada. Um projeto bacana, um texto pro blog, uma playlist legal, pautas para vídeos no Youtube, qualquer coisa que passe pela minha cabeça como um estalo é devidamente guardado, para que não seja esquecido. E como eu faço isso? Listarei abaixo o caminho das pedras:

- Anote tudo: Você já deve estar cansado de saber que é sempre bom anotar todo o tipo de informação que chega até a gente. Todos os blogs/revistas/portais que tratam de organização, por exemplo, já deram essa dica exaustivamente. O negócio é que muita gente acha a dica bacana, mas não põe em prática porque não acredita nela. Ou porque tem preguiça de escrever. Mas gente, anotar informações (seja num caderno, seja num aparelho eletrônico) faz um bem danado. Porque você simplesmente "se livra" dela. Não precisa ficar pensando nela o tempo todo para não esquecer. A partir do momento que você despeja a informação em algum lugar, já não precisa carregá-la consigo. Ou seja, a ideia/informação pode não estar na sua cabeça naquela hora, mas estará anotada para o momento em que você precisar dela. 

- Ande sempre com algo que te permita anotar as ideias: Com toda essa tecnologia, muita gente não anda com uma caneta sequer. Pois bem, isso não é desculpa. Você com certeza tem um celular, que tem um bloquinho de notas, que te permite descarregar o que bem entender. Pronto. Surgiu uma ideia ótima no ônibus, pega lá o celular e anota. Eu não sou uma pessoa tão tecnológica assim, então prefiro andar com um bloquinho/caderninho para anotar tudo. Mas as opções são infinitas, escolha uma e não perca mais nada.

- Crie tópicos para as ideias, mas contextualize-os: Essa pode ser uma opção bastante pessoal, mas o que eu percebi nesse tempo em que anoto as minhas ideias é que criar tópico e não destrinchá-los acaba não fazendo muito efeito. Por exemplo, eu poderia ter escrito este post listando somente os tópicos soltos, sem explicar melhor cada um deles. Vocês provavelmente entenderiam, mas sairiam do blog com a sensação de que faltou alguma coisa, de que o tema não foi muito bem abordado, elaborado. Pois bem, quando você for anotar as suas ideias, tente escrever mais sobre elas, fuja dos tópicos secos. Crie um tipo de roteiro, para que a informação fique mais completa e não perca o "vigor" caso você só precise usá-la daqui há um tempo. 

"Escrever post sobre filmes." 
é diferente de 
"Escrever post sobre os filmes A, B, C; Contar um pouco sobre a história deles e como se linkam com a situação que vi no metrô; Destacar música X que faz parte da trilha sonora do filme B; Detalhar pontos negativos do filme A: atuação péssima de determinado ator."

Entenderam?

- Ponha suas ideias em prática: Se tem uma coisa que me causa bastante frustração é não fazer o que me proponho a fazer. Sempre que cumpro todas as metas estipuladas para o dia, me sinto leve, realizada. Parece que tirei um elefante das costas. O mesmo acontece com as minhas ideias: elas não servem somente para serem anotadas e guardadas, é preciso pô-las em prática. Por que do que adianta anotar tudo se você não está disposto a fazer nada? Sem contar que motivação é o que move o mundo. Quanto mais ideias você pôr em prática, mais ideias surgirão, mais projetos se realizarão. 

É isso, gente. Espero que vocês tenham gostado das dicas e que não percam mais nenhuma ideia daqui pra frente. 

You May Also Like

3 comentários

  1. Adorei seu blog, é lindo demais! não tem como seguir? :(

    ResponderExcluir
  2. Uma das coisas que você mencionou considero muito importante: contextualizar.
    Se a pessoa não contextualiza, a história acaba se perdendo e... que triste, né gente. :p

    Ótimas dicas, guria. Sigo-as todas, sempre. (Até porque a vida é tão agitada que se eu não anotar as coisas, literalmente, esqueço de tudo.)

    Beijo! ;*

    Wink

    ResponderExcluir
  3. Adorei as dicas e até já tentei colocar algumas delas em prática, tipo anotar as ideias pra post, mas continuo falhando miseravelmente na hora de tirar a ideia do papel e fazer virar post, hahaha! Mas isso é falta de vergonha na cara, antes de qualquer coisa.
    beijos!

    ResponderExcluir