01 junho 2014

A partir de amanhã

Imagem: Pinterest




 A partir de amanhã eu quero ser uma nova pessoa. Nem digo uma nova mulher porque a minha intenção é ser maior do que qualquer gênero possa descrever. A partir de amanhã eu quero calar mais, ouvir mais, sentir mais, ser mais A partir de amanhã não vou mais contar os segundos para o dia acabar, na expectativa de um depois de amanhã melhor.

A partir de amanhã eu vou tratar cada momento como uma dádiva – que é, na verdade. A partir de amanhã eu não quero mais ouvir o que as pessoas têm a dizer sobre como eu conduzo os meus passos. Já tirei a CNH da vida e, apesar das multas, continuo renovando-a a cada toque do despertador. A partir de amanhã eu quero ser mais feliz com o presente, pois ele já é o futuro. A partir de amanhã eu quero esbravejar menos, reclamar menos. A calma é o melhor remédio para quem deseja ter paz. E isto é tudo o que eu preciso.

A partir de amanhã eu abandonarei as regras que me reprimem com suas paredes de aço inoxidável, que não se quebram nem com tórridas doses de amor. A partir de amanhã eu não quero ninguém me dizendo o que fazer e como fazer. Sairei em busca de alguém que me ensine um pouco de liberdade, e que me liberte da obrigação de ser livre. Ser empurrado abismo abaixo cria medo, não asas.

A partir de amanhã eu quero acordar tão sonolenta quanto acordei hoje, porém mais disposta a encarar os fatos. Lembrando que eu sempre posso criar argumentos contra eles. A partir de amanhã eu quero sorrir mais – ainda mais – e só me importar com as coisas boas que sussurram ao meu ouvido. E aos gritos de horror, me deixem em paz, liguei o modo surdez. A partir de amanhã eu escreverei o esboço do romance que não é o meu, mas que poderia ter sido, ao som de qualquer banda que me faça chorar os litros que não chorei até aqui. Nada mais renova a alma que um punhado de palavras num papel. Ou num editor de texto.

Amanhã eu quero estar despida do hoje. Hoje é o hambúrguer e amanhã é a batata frita. E eu sempre como o que eu mais gosto por último. A partir de amanhã eu serei uma nova eu, sem deixar, nem por um momento, de ser a que eu sempre fui. A partir de amanhã. Hoje não. Hoje eu vou me despedir de todos os hojes que já tive.

2 comentários:

  1. gostei. lembrei dessa frase: “Finish each day and be done with it. You have done what you could. Some blunders and absurdities no doubt crept in; forget them as soon as you can. Tomorrow is a new day. You shall begin it serenely and with too high a spirit to be encumbered with your old nonsense.” ― Ralph Waldo Emerson

    ResponderExcluir
  2. Ai Mari!A partir de amanhã quero acordar com todas essas "metas" traçadas nos meus dias!
    Sem contar segundos por dia terminar, fazendo tudo que acho que devo e que quero, sem desperdiçar um dia inteiro pensando no que fazer amanhã. Ao contrário, a partir de amanhã, quero fazer hoje. :D

    Obrigada por este texto. Precisava lê-lo.

    ResponderExcluir

Mariany Gomes © , All Rights Reserved. BLOG DESIGN BY Sadaf F K.