27 setembro 2013

Imediatismo cego

Imagem: WeHeartIt

Nunca quisemos tanto as coisas à jato como agora. Tudo tem que ser pra logo, o mais rápido possível, já que a vida é um sopro. Mas se ela não vem com manual de instruções, assistência técnica ou aceita devolução, custa dançar conforme a música? 

Custa. Porque se eu não for mais rápida que todo mundo, a minha vida para pra ver as deles passarem. 

Só que não. Porque a vida de cada um só diz respeito a cada um. Dane-se que o seu vizinho tem a grama mais verde. E se for sintética? Você não sabe. É muito mais fácil comprar uma grama artificial, do que esperar que a natural fique tão bonita quanto, sabia? A gente tem essa mania besta de querer as coisas o mais rápido e perfeito possível, como se estivéssemos sempre competindo em todos os viés da nossa vida. Você quer um cargo melhor que o de fulano. Quer trabalhar primeiro que fulano. Quer trabalhar primeiro, num cargo melhor que e numa empresa que cause inveja a fulano. Pra quê, se fulano não faz a mínima diferença pra você? E pra quê, se a vida não é uma pista de corrida com um pódio no final? 

A pressa é inimiga da perfeição, e se algumas pessoas conseguem as coisas de supetão, pode ter certeza que houve um enorme empurrão nos bastidores. Tão rápido, claro, aparentemente, já que nós nem paramos pra pensar se essa pessoa não percorreu todo um árduo caminho pra chegar onde chegou. Tudo por aí estampado é maquiado pra tentar nos convencer que a vida só é boa se for vivida da maneira "x" e numa velocidade "x³". Mas você é você e eu sou eu, e tudo bem se as coisas não acontecerem no mesmo dia pra nós dois. Até porque eu, provavelmente, não quero a mesma coisa que você. E, claro, vice-versa.

Então preocupe-se com o seu tempo, com as suas necessidades. Não viva comparando sua vida com a das pessoas só pra se sentir menor e achar que a sua é um lixo. Faça o que tem vontade na hora que achar conveniente. Não aposte corrida com ninguém, porque ninguém está na sua frente. Não existe frente. Não existe primeiro lugar. O desespero pra chegar logo não vai te levar a lugar algum, até porque não existe um lugar universal pra chegar. Isso só vai te cansar e te privar de provar o doce amargo que cada etapa da vida. 

O nosso grande erro é querer tudo. Pra ontem. Pra quê?

2 comentários:

  1. Oi, Mari! :D

    Vi seu comentário no post da Dani (do Sem Formol) da TAG e resolvi dar uma passadinha... uma passadinha que já dura mais de uma hora, porque li vários posts seus, rs.

    Esse, em especial, é um daqueles posts tapa na cara, porque no exato momento em que li, pareceu minha mãe me dando bronca e dizendo que meu imediatismo não vai me levar a nada, haha!

    Adorei tudo por aqui, com certeza voltarei mais vezes! Boa semana, beijoca!

    ResponderExcluir
  2. Menina que texto....

    "Quanto mais o tempo corre menos eu quero correr". Tem sido meu lema ultimamente...

    Tentando por em prática.

    ResponderExcluir

Mariany Gomes © , All Rights Reserved. BLOG DESIGN BY Sadaf F K.